segunda-feira, 21 de fevereiro de 2011

O BARBEIRO





Certo dia um florista foi ao barbeiro para cortar o cabelo. Após o corte perguntou ao barbeiro o valor do serviço e o barbeiro repondeu:
- Não posso aceitar o seu dinheiro porque, esta semana, estou a prestar serviço comunitário.
O florista ficou feliz e foi embora. No dia seguinte, ao abrir a barbearia, havia um ramo com uma dúzia de rosas na porta e uma nota de agradecimento do florista.
Mais tarde no mesmo dia veio um padeiro para cortar o cabelo. Após o corte, ao pagar, o barbeiro disse:
- Não posso aceitar o seu dinheiro porque, esta semana, estou a prestar serviço comunitário.
O padeiro ficou feliz e foi embora. No dia seguinte, ao abrir a barbearia, havia um cesto com pães e doces na porta e uma nota de agradecimento do padeiro.
No terceiro dia veio um deputado para um corte de cabelo. Novamente, ao pedir para pagar, o barbeiro disse:
- Não posso aceitar o seu dinheiro porque, esta semana, estou a prestar serviço comunitário.
O deputado ficou feliz e foi embora. No dia seguinte, quando o barbeiro veio abrir a sua barbearia, havia uma dúzia de deputados fazendo fila para cortar cabelo.



Esta história ilustra bem a grande diferença entre os cidadãos do nosso país e os políticos que o administram.

3 comentários:

Fênix27 disse...

Olá,o que pode esperar dos políticos?. Maso cidadão brasileiro ainda não acordou para isto,ver que os oportunistas estão em Brasília, não é mesmo?.
Adorei este post, felicidades no seu caminhar.

EternoAprendiz disse...

Muito bom esse post que apesar de ser de humor nos causa muita tristeza por ser verdadeiro demais.
Gostei muito do Blog! Te seguirei a partir de hoje!
Beijos!!!

Nicea silva disse...

Só dá valor ao serviço voluntário quem sabe realmente o seu objetivo, ou seja doar-se ao próximo naquilo que se pretende fazer, sem olhar a quem e sem esperar nada em troca , e DEUS sempre recompensa a todos os voluntários , pois dão o seu melhor, mas o que esperar dos políticos , se a vida deles exatamente ao contrário dos voluntariados, só pensam em si mesmo , não se importando com os demais , sugam até o fim tudo que podem de nós , tenho horror e repugnância até de ouvir as falsas promessas em anos eleitorais!